CARREGANDO...

EXPOMINAS-BH - 4 A 8 DE DEZEMBRO DE 2024

Participando da Feira

Selecione abaixo como gostaria de participar nesta feira:

A Feira Nacional já está pronta...acontecerá no EXPOMINAS BH DE 4 A 8 DE DEZEMBRO DE 2024.

Em 2024, a Feira Nacional vai reunir a gastronomia, a musica e a arte dos 208 municipios que compoem os vales do Jequitinhonha, Mucuri e Rio Doce, além dos municipios que circulndam o Rio São Francisco

A mistura da terra, do sol e das aguas, fazem com que a inspiração para composições poeticas, artisticas e gastronomicas, fazem desta região especial

Minas, muitas vezes não conhece Minas – esta será uma oportunidade dos visitantes da 35ª. Feira Nacional de artesanato conheçam esta parte de Minas Gerais, tão rica, mas muitas vezes tão distantes de todos nos

Quem já ouviu falar na banda de taquara, no encontro de flautas, marujada, folia de reis e trovadores do vale?

Arroz com pequi, frango caipira, farofa de andu, carne de sol com mandioca, biscoitos, pão de fuba na folha de bananeira são alguns quitutes especiais da região.

Agora, o empoderamento feminino atraves do artesanato conhecido mundialmente, é algo que não podemos deixar de admirar com estas mulheres guerreiras que vivem nos vales.

Além do Idene, o projeto envolve também as Secretarias Desenvolvimento Economico, Cultura e Turismo, Agricultura e Meio Ambiente, alem da Emater, Senar,  Sebrae, Senac e outros mais.

É Minas mostrando para o Brasil uma Minas que muitos nos desconhecemos.

 

COMO SERÁ A FEIRA NACIONAL EM 2024.

A Feira continuará com cinco dias, iniciando numa quarta feira e terminando no domingo.

O Horário será de 14:00 às 22:00 horas de quarta a sexta e de 10:00 às 22:00 horas de sábado a domingo.

- 467 stands, numa área de 10.746 m2 –, sendo que o Sebrae Nacional tem uma área de 2.800m2, O Vales de Minas, uma área de 700 m2, o Sebrae Minas e a Sede, cada um com 500m2 -  já em janeiro, 50% dos stands estavam vendidos ou reservados.

- Previsão de 3.500 expositores e 130.000 visitantes

ÁREAS DO EVENTO

EVENTO 365 DIAS – FEIRA VIRTUAL - Lembrem-se que a Feira Nacional recebe uma gravação 360º e fica no ar até dezembro de 2025, permitindo que internautas do mundo todo visitem o evento durante o ano de 2025.

ENTRADA:

  • Secretaria de Entrada
  • Espaço Indígena – 34 etnias indígenas de todas as regiões brasileiras

FOYER II:

  • Espaço Especial - Sebrae Minas
  • Espaço Especial - SEDE
  • Espaço Especial - inicio do VALES DE MINAS
  • Saida do Metro - a planejar.

GRANDE PAVILHÃO

  • Espaço Sebrae Nacional – participação dos 27 estados brasileiros
  • Espaço Vales de Minas
  • Espaço Gastronomia Vales de Minas
  • Espaço Oficinas Vales de Minas
  • Espaço Municípios – prefeituras diversas
  • Espaço Senar – artesanato e gastronomia - a confirmar
  • Espaço OCEMG (a confirmar)
  • Espaço Artesão independente – 400 artesãos de todo o Brasil que adquirem seu stand de forma independente.
  • Espaço SECULT – IGR, com o seu potencial turístico
  • Av. Central – cenografia remetendo aos VALES DE MINAS
  • Lanchonetes – 6 lanchonetes para atendimento do publico
  • Butiquim – área externa da Craveiro Lopes
  • Espaço shows – em forma de cortejo distribuído pelo pavilhão e com alguns palcos na av. Central
  • Espaço pet friendly – espaço de acolhimento aos Pets

ÁREA DE SERVIÇOS

  • Cadeira de rodas – cessão gratuita
  • Guarda volume – gratuito, com carregadores
  • Fraldário – para acolhimento das mães e bebes
  • Espaço autista – para acolhimento da criança autista
  • Serviço médico – com médico e ambulância

Lembramos que o evento traz para Belo Horizonte milhares de pessoas que além de visitar o evento, se hospedam, visitam nossos pontos turísticos, andam de taxis e ônibus e frequentam nossos shoppings.

Em 2023, na semana da Feira Nacional, 100% dos hoteis de Belo Horizonte estavam coupados.

Apesar do cunho comercial do artesão poder vender o seu artesanato, a feira é uma grande escola, já que apresenta toda a diversidade cultural brasileira em um só espaço, proporciona ao visitante apresentações de nosso cancioneiro popular, além de oficinas participativas de nosso artesanato.

Gera direta e indiretamente (além dos 3.500 artesãos) mais de 2.000 ocupações, com prestadores de serviço de segurança, limpeza, recepcionistas, brigadas, serviço médico, montadoras, sonorização, apresentações culturais, além de serviços de divulgação e comunicação.

10% da área do evento é doada para as comunidades indígenas, Apaes, programas sociais e terceira idade.

Dos 130.000 visitantes, 80% tem acesso gratuito através de vasta distribuição de convites físicos e virtuais (através do Sympla). Até dia 1/12, qualquer pessoa poderá retirar sua entrada franca para quarta-feira, bastando para tal retirar o convite no Sympla. Maiores de 60 anos, menores de 12 anos, além de PCD, tem também entrada gratuita nos seis dias de evento.

A expectativa é que a movimentação leve uma venda direta dos artesãos, com média acima de R$ 50 milhões de reais, fora os contatos que realizam para as vendas futuras.

Pelo menos 8 prestadores de serviço, são da terceira idade ou deficiente auditivo além da contratação de tradutores de libras para atuarem nas oficinas.

Horário de Funcionamento

ATENÇÃO - O EVENTO VOLTOU A TER CINCO DIAS

04/12 (quarta-feira): de 14:00 hs às 22:00 hs
(entrada até as 21:00 hs)

05/12 (quinta-feira): de 14:00 hs às 22:00 hs
(entrada até as 21:00 hs)

06/12 (sexta-feira): de 14:00 hs às 22:00 hs
(entrada até as 21:00 hs)

07/12 (sábado): de 10:00 hs às 22:00 hs
(entrada até as 21:00 hs)

08/12 (domingo): de 10:00 hs às 22:00 hs
(entrada até as 21:00 hs)

FALTAM

Feira Nacional na Mídia